terça-feira, 25 de julho de 2017

Resenha - Marcos Well e "O HOMEM DOS MEUS SONHOS"


Hoje é o Dia do Escritor. Todo dia é propício a ler um bom livro, seja em forma de contos, poemas, romances, o tipo e o gênero que mais lhe agrade.

Acredito que todo leitor de quadrinhos, um dia, acaba lendo um livro. Porém, que nem todo leitor de livro se dedica a ler um quadrinho. Ambos são leituras. A HQ tem o apelo visual que atrai de imediato. O livro, por sua vez, tem o dom de utilizar suas palavras a fim de trabalhar os acontecimentos e personagens de forma primorosa, aguçando nossa curiosidade ou desejo de querer saber sempre mais, fazendo-nos sorrir, ter medo e até refletir.

O Brasil, infelizmente, é um país ingrato àqueles que têm no hábito a técnica de contar suas histórias de ficção. Poucos são os que realmente conseguem dizer que vivem dessa atividade. Muitos escritores, atualmente, andam compartilhando seus conhecimentos em espécies de conferências ou cursos, cujo intuito visa estimular o aparecimento de novos talentos. E há aplicativos que disponibilizam o arquivo digital de uma gama de obras literárias, desde as mais conhecidas até o pessoal que está batalhando pelo seu lugar ao Sol.

No vídeo abaixo, compartilho uma leitura curta que fiz. Marcos Well é um desses escritores do cenário contemporâneo que me fisgou através de um conto que traz muito do perfil dos jovens de hoje: alguns, aficionados por baladas e pegações, já outros, preferindo a solidão e segurança de suas moradas à vivência de suas histórias secretas, quentes e estimulantes, possibilitando certa criatividade para que tais experiências se tornem especiais.


Abraços a todos.

Fabiano Caldeira.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Peço educação e gentileza na troca de ideias. Obrigado!