terça-feira, 4 de abril de 2017

BBB17 - O lamentável comportamento deve ser punido





O que mais me espanta são pessoas se manifestando como se tudo o que ele tivesse feito fosse algo normal.

A que ponto chegamos neste país. Assistirmos um participante intimidando, agindo de violência psicótica, tortura psicológica além dos limites toleráveis de um bom senso, e há quem justifica dizendo que é normal.

Não. Não é normal. Esse tipo de comportamento é perigoso. Um programa exibido em uma emissora de TV aberta com alcance nacional e que é líder de audiência no horário não pode deixar tudo o que aconteceu simplesmente cair no esquecimento, como se tudo não passasse de uma coisa qualquer.

A direção do programa, não é de hoje, vem sendo permissiva demais aos participantes que pensam que podem tudo. O resultado está aí: um show de degradação humana fora de controle, que exibe momentos de transtorno e brutalidade como se fosse algo banal.

Pelo bem moral das pessoas envolvidas e até visando a própria imagem da emissora, espero que uma atitude punitiva seja tomada contra tudo o que aconteceu ontem. Ele pode sair no paredão. E se não sair, que haja uma punição dentro do programa. O que não pode é ficar essa mensagem de que vale tudo, inclusive traumatizar as pessoas, para conseguir se dar bem na vida.

Se continuar assim, daqui a pouco acharemos normal crianças de 10 anos desfilarem com escopeta, revólver 38 ou 22, rifles, fuzil pelas ruas de nossos bairros. Vamos achar normal não poder passar em determinadas ruas porque, se alguém passar ali, é morto. Vamos começar a achar normal pessoas causarem malefícios às outras simplesmente porque gostam de se sentirem melhores.

Isso não pode acontecer. Se as coisas neste país chegarem a este ponto, será o fim.

A TV tem grande influência nas pessoas. É preciso que a TV tenha consideração em mostrar que violência, intimidação, brutalidade, exposição traumática e maliciosa de fatores íntimos da vida de alguém não fazem da pessoa um vencedor, pelo contrário, o indivíduo só tem a perder com esse tipo de comportamento.

Abraços a todos.

Fabiano Caldeira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Peço educação e gentileza na troca de ideias. Obrigado!