terça-feira, 27 de outubro de 2015

[Revista] Edição Extra N° 207 - Feitiços e Bruxarias

O mundo Disney é bem fabuloso e fascinante, nos deixa curiosos e entusiasmados. Nos quadrinhos isso não é diferente, pois são neles que ainda vemos a essência dos personagens mais tradicionais que se transformaram em verdadeiros talismãs para a empresa. Ainda que no Brasil, em meio a esses altos e baixos de economia, as publicações ainda não representam algo tão glamouroso do que parece ser lá fora, sobretudo na Europa, onde a produção contemporânea anda a todo vapor e tem obtidos expressivos resultados. 

Vasculhando na Internet - em uma daquelas horas que procuramos assuntos nada a ver com quadrinhos e disney - eis que encontro uma imagem de uma revista que nunca tinha visto. Fui pesquisar em um bom site brasileiro que cataloga grande parte dessas publicações nacionais e descobri coisas que achei bem interessantes - e agora, nesta semana de Halloween, pensei que seria uma boa ideia aproveitar a "coincidência" para compartilhar com vocês:



Edição Extra n° 207 - Editora Abril - 1992

Capa de Euclides K. Miyaura


- BRUXA ESQUENTADA  desenhos de Carlos Edgard Herrero

- UM FANTASMA PARA MIN   trama: Joel Katz - roteiro: Donne Avenell - desenhos: José Maria Millet Lopez

- O ANEL DAS CALAMIDADES   trama: Paul Halas - roteiro: Jack Sutter - desenhos: José Colomer Fonts

- LINDONA!   roteiro: Michael Begovich - desenhos: Antoni Gil-Bao

- O ORÁCULO DO NORTE   trama: Paul Halas - roteiro: Jack Sutter - desenhos: Daniel Branca

- VARINHA DE BUNJIBA   trama: Paul Halas - roteiro: Charlie Martin - desenhos: José Maria Millet Lopes


Curiosamente, não encontrei informação do mês em que foi publicada, apenas percebi o ano (1992). Tenho muito apreço pela Madame Min e Maga Patalójika, as duas bruxas que ilustram a capa e possuem um grande acervo de HQs que só os veteranos mais antigos podem testificar a veracidade desta afirmação. Eram tempos onde o universo das tramas era bem mais amplo, com historinhas envolvendo a Branca de Neve, Pinóquio, Ursinho Puff, Banzé, Mogli e muitos outros que, se você tem 15 anos ou menos, certamente não faz a menor ideia de quem são. 

Maga Patalójika ainda aparece sempre atazanando a vida do Sr. Patinhas, sempre em busca de sua moedinha número 1, pois ela acredita (assim como ele também, que a protege com toda a vitalidade de sua alma) que trata-se de um talismã e que fora ela (a moedinha da sorte) a responsável pelo império sempre crescente do pato. Então, uma vez de posse do suposto amuleto, ela se tornaria a bruxa mais poderia do mundo (e o pato acredita simplesmente que ele perde sua fortuna num passe de mágica, através de sucessivos acontecimentos desastrosos). 

Madame Min já possui um universo mais independente. Até já aconteceu de ela contracenar com algumas figurinhas bem conhecidas - inclusive, há no seu curriculum uma mancha negra, ou melhor dizendo, um Mancha Negra, já que ela é caidinha de amores pelo vilão. Mas ela não precisa dos patos, ratos, cães e papagaios para encabeçar uma trama. Maga, por sua vez, é sua melhor amiga. Portanto, não é difícil encontrar as duas se envolvendo em trapalhadas. Para dizer a verdade, acho essas duas uma dupla perfeita!

Esta edição é toda dedicada a elas. São 68 páginas contendo 6 histórias que, apesar de não me lembrar, tenho certeza de que me divertiriam bastante. Uma curiosidade é que neste site informa que apenas uma dessas HQs foi republicada mais de uma vez. Trata-se de "O ANEL DAS CALAMIDADES" que se encontra em Tio Patinhas n° 361 (1995). As demais, pelo menos ao que consta lá, nunca foram republicadas. Meio estranho perceber esse fato, uma vez que elas eram populares na década de 60, 70, 80 e até 90. Mas, fica ao menos a sensação de que seria uma boa hora para essas histórias ganharem uma boa restauração para uma nova publicação. Afinal, já fazem 13 anos! O que vocês acham? 



2 comentários:

  1. "O mundo Disney é bem fabuloso e fascinante, nos deixa curiosos e entusiasmados". Faço minha as suas palavras amigo, se me permite. Principalmente com ralação ao quadrinhos que sou grande fã. Gosto muito desse tipo de postagem, é informativa principalmente. Também gostaria de ver essas republicações, e nessa época cairia bem demais. Obrigado por compartilhar! Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom! Virão muitas ainda. Mesmo às vezes a gente ficando meio atrapalhado pelo tempo que insistem em se esvair por entre meus dedos. Um grande abraço!

      Excluir

Peço educação e gentileza na troca de ideias. Obrigado!