quarta-feira, 29 de julho de 2015

[Revista] Pensando sobre TMJ e Chico Moço


Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Espero que sim!
Gostaria que alguém me dissesse francamente como andam se sentindo com as atuais publicações do universo Turma da Mônica Jovem e sua versão rural Chico Bento Moço. 

Outro dia fiquei com uma vontade imensa de comprar aquela revista do Chico Bento Moço cuja chamada dizia que a Rosinha poderia morrer. Folheei a revista com calma e até li alguma coisa. Confesso que gostei dos desenhos, da arte, mas achei a história em si um tanto fraca nos diálogos e o desfecho foi infelizmente aquele mesmo já tão manjado. Decidi então por não levar a revista, ainda que estivesse com uma boa arte, pois a conclusão acaba meio que anulando algo que poderia ter sido bem melhor. 

Em um tempo onde vimos até alienígenas ganhando espaço na terra do caipira - através da Graphic Novel do talentoso Gustavo Duarte - é preciso deixar a criatividade rolar solta nessas aventuras jovens. Só acho.

O Chico Bento, por morar longe do caos urbano, poderia render tantas tramas boas envolvendo temas como estupros, perigos escondidos em rios, lagos, matas e animais selvagens, criminosos foragidos ou pessoas sequestradas e colocadas em cativeiro. Entretanto, parece que preferem sempre o caminho mais fácil de só explorarem as relações pessoais tão básicas, com seus diálogos já cansativos e previsíveis. 

Será que estou sendo muito cruel com essas publicações? Será que se eu teimasse em seguir alguns arcos recentes, eu poderia acabar gostando e mudando meu ponto de vista?

Deixo aqui o link de um site muito bom sobre Turma da Mônica Jovem,  o TMJ MELHORES 


Abraços a todos

Fabiano Caldeira.


7 comentários:

  1. " achei a história em si um tanto fraca nos diálogos e o desfecho foi infelizmente aquele mesmo já tão manjado."

    Vc mesmo já respondeu e comprovou ao folhear. É isso q pode esperar na Turma da Mônica Jovem e Chico Moço. Sempre é tudo muito fraco, diálogos bobos, fora a descaracterização dos personagens. Não vale a pena. Eu não compro e nem faço mais questão nem de folhear nas bancas.

    Parece q o Chico Moço agora vive mais na cidade por causa da faculdade e só visita a roça de vez em quando, então tramas rurais têm poucas. Com certeza histórias com estupros, criminosos, gente sequestrada, a gente não vai ver mais na MSP. Nem na versão adolescentes, visto q tem crianças q compram tbm. Sem chances.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Certamente não seria preciso mostrar um estupro. Mas abordar temas desse tipo com cenas de ação com Chico sendo quase que um herói seria muito bom. Abraços.

      Excluir
  2. Eu parei de comprar qualquer edição da tmj na edição 60, e parei com Chico Moço na 17 se não me engano. Não pretendo comprar mais nenhum dos dois títulos, depois de começar a ler coisas melhores percebi que posso gastar esses quase 8 reais com coisas muito melhores, tmj perdeu a graça já faz tempo pra mim, principalmente quando vi que só tratava de intriguinha e namoro e blablabla, depois parei com Chico porque deixei de ver graça depois de alguns numeros, eu tava bem empolgado no inicio.
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me dá um exemplo do que você está gostando de ler. Acho que isso pode me ajudar também. Abraços.

      Excluir
    2. As graphics MSP, Luluzinha e Bolinha, CHTM, algumas mensais (agora sim estão valendo a pena) da TM, Donald e Tio Patinhas, as revistas do Deadpool que aparecem de repente na banca (ainda não parei pra calcular de quanto em quanto tempo são lançadas), fora alguns títulos que eu não podia comprar porque não achava ou porque não tinha dinheiro, como Disney big e Pateta faz história.E agora quero dar chance pra algumas coisas mais adultas, quero pegar watchman, só falta achar. Ah, e lembra aquela revista Coffin Hill que você recomendou? Eu achei ela num lugar que vende quadrinhos em um shopping daqui, infelizmente não tinha dinheiro na hora, mas acho que até semana que vem vou comprar, vendo de perto pareceu ainda mais interessante.

      Excluir
    3. Olá, Andre! Então corra mesmo para garantir a sua edição de Coffin Hill, pois aqui onde moro não acha mais. Eu perdi. O jeito será pesquisar em sites ou esperar daqui a uns meses, pra ver se volta. No caso dessas edições da Panini, infelizmente não voltam. Talvez eu acabe recorrendo a sites como Ligahq, Planeta Gibi, Casa do Gibi ou Rika. Que bom que está lendo Disney. No ramo infantil, tem me agradado bastante, apesar de que gosto mesmo dessas republicações que aparecem em BIG e almanaques. Fiz um vídeo mostrando uma revista bacana da Luluzinha pela Devir. Espero que tenha visto, está algumas postagens anteriores.
      Eu tenho uma edições do Deapool aqui, mas são aquelas fininhas que logo foram canceladas.Devem ser umas três revistas. Lembro que curti.

      Abraços.

      Excluir
    4. Que pena que perdeu, espero que ninguém se interesse por ela ate eu comprar, rs. Disney big é muito bom porque são muitas histórias então da pra passar um bom tempo lendo. Luluzinha e Bolinha são uma surpresa, histórias muito boas e que também são bem mais demoradas pra ler, vi o video e o encadernado é muito bonito, os desenhos bem bonitos e nítidos, espero encontrar algo parecido por aqui, sempre aparecem revistas da Luluzinha na Americanas onde eu compro, quem sabe não aparece um encadernado desses por lá. Eu também só tenho três revistas do Deadpool, as ultimas 3 que foram lançadas, com a Tropa Deadpool, descobri o Deadpool faz pouco tempo, vou ver se consigo as anteriores pela internet.
      Abraços.

      Excluir

Peço educação e gentileza na troca de ideias. Obrigado!